Ultimas Notícias
Home / DESTAQUE / Como vivem os falsos pastores,Georgeval e Juliana Alves, três anos após a morte de Kauã e Joaquim
Falsos pastores durantes ritual religioso - imagem internet

Como vivem os falsos pastores,Georgeval e Juliana Alves, três anos após a morte de Kauã e Joaquim

Há três anos Linhares acordava com a triste noticias de um incêndio na casa do casal de falsos pastores, Georgeval Alves, vulgo pastor George e Juliana Sales, que as vitimas foram os irmãos kauã e Joaquim.

A PC-ES logo trabalhou com a hipótese de incêndio criminoso, e a justiça expediu o mandado de prisão contra ele, e dias depois a prisão de juliana Sales. Na época muitas pessoas acreditavam na inocência do falso pastor e criticavam o trabalho da imprensa, mas com o andar das investigações tudo ficou claro que Georgeval planejou, abusou sexualmente das duas crianças e ateou fogo enquanto elas ainda estavam vivas.

Como vivem Georgeval e Juliana Sales

Juliana vive em Linhares, já está em um novo relacionamento e está gravida, com previsão para dar a luz em julho. Ela vive uma vida normal, circula pelas ruas da cidade, usa os serviços de saúde pública, e não tem frequentado os rituais religiosos da igreja da qual eram dirigentes.

Georgeval Alves continua preso no complexo prisional de Xuri em Vila Velha, PEVV-5, divide a cela com outros detentos.

Tem banho de sol de segunda e sexta-feira, sábado e domingo destinado para receber visitas, fora da pandemia o sábado pra quem é casado ou vive em união estável é o dia da visita íntima e no domingo a visita social ou seja familiar.

Com o passar dos dias na carceragem Georgeval se tornou uma especie de pastor da cadeia, é quem celebra os rituais religiosos, que acontecem no banho de sol e a noite.

Outras atividades durante o dia, momento de leitura na biblioteca, atendimento com médicos e psicólogos e assistente social e com os advogados.

Alimentação dos prisioneiros: cada preso recebe 02 pães e uma fruta no café da manhã e no lanche da tarde, uma marmita pro almoço e outra no jantar.

Georgeval se adaptou rápido ao ambiente e o linguajar da cadeia: Cama = jegua, marmitex = cascuda ou branca de neve, quando servida em embalagem de isopor ou brilhosa quando na embalagem de alumínio, Cela = barraco, vaso sanitário = boi, porta da cela = chapão, corda artesanal feita com plastico ou até mesmo com lençol = Tereza.

Julgamento

Como se trata de crime contra a vida vai haver o juri popular, sete pessoas da sociedade irão definir se são ou não culpados, o Art. 121 do CP. III – com emprego de veneno, fogo, explosivo, asfixia, tortura ou outro meio insidioso ou cruel, ou de que possa resultar perigo comum; Pena – reclusão, de doze a trinta anos.

Cabe a acusação ou seja ao MP mostrar os agravantes: como pai, e como corresponsável pala custodia da outra criança, como o único adulto no local, seu papel era zelar pela integridade das crianças.

Para alguns juristas Georgeval deve ser condenado a pena máxima.

Túmulo dos irmãos

Os irmão Kauã e Joaquim foram sepultados um ao lados do outro, no cemitério São José que fica no bairro BNH em Linhares, muitas pessoas costumam ir ao local e um dos coveiros fez um X para dar referencia para as pessoas localizarem os túmulos.

Local onde os irmãos estão sepultados – credito Rodrigo Bravim

A casa onde aconteceu o crime

A casa ficou por muito tempo fechada, por causa da pericia, e tempos depois passou por uma reforma, muitas vezes a população esteve no imóvel e deixava cartazes com pedidos de justiça.

Sobre Gildo Ramos Cunha

x

Check Also

ES congela ICMS dos combustíveis para tentar evitar novos aumentos

O Governo do Estado decidiu congelar a atualização do Preço Médio Ponderado ao Consumidor Final ...

O deputado Sergio Majeski destina recursos para entidades de Linhares

O deputado Sergio Majeski estevem em Linhares, onde destinou recursos para entidades e realizou visita ...

Ação truculenta da PM-ES e da EDP Excelsa fornecedora de energia elétrica em acampamento do MST em Pinheiros

As famílias que vivem no acampamento Fidel Castro em Pinheiros no norte capixaba se dirigiram ...